top of page
  • Markus Lothar Fourier

A personalidade influencia no desempenho esportivo?

Atualizado: 15 de jul.

Essa é uma das perguntas mais antigas no universo da psicologia esportiva. O interesse nesse campo é motivado por duas razões: 1 - o caráter é algo que pode ser identificado com precisão antes da fase adulta; 2 - traços de individualidade reconhecidos precocemente podem ser aprimorados com mais facilidade. Mas será que o caráter pode prever o sucesso esportivo? Vamos ver o que as pesquisas sugerem:


Eu selecionei 10 artigos sobre o tema e eis o que dizem:


Atletas mais bem-sucedidos em suas carreiras pontuam mais alto em traços como amabilidade, conscienciosidade, extroversão, perseverança, positividade, resiliência, autoestima, autoeficácia e estabilidade emocional, comparados com atletas menos bem-sucedidos e não atletas. A estabilidade emocional e a conscienciosidade são particularmente importantes para a manutenção do bem-estar e do desempenho sob estresse, segundo as pesquisas aqui investigadas (1, 2, 3, 6, 8, 10).


Também há evidências de que atletas mais bem-sucedidos pontuam mais baixo em traços como neuroticismo, que pode ser entendido como a vivência, de forma negativa, dos estados emocionais, estando mais suscetíveis a apresentar sentimentos como ansiedade, irritabilidade e depressão (3, 6, 10).


Personalidade de atletas individuais e coletivos foi avaliada. Os resultados indicam que competidores solitários tendem a pontuar mais alto em características como abertura e energia comparados aos de grupo. Isso ocorre porque sem esses traços, as demandas particulares dos esportes individuais podem se tornar muito duras. No decorrer do desenvolvimento do atleta, isso pode levar à diminuição da dedicação ou até ao abandono.


Resumindo:

Traços de personalidade podem ajudar a prever a performance esportiva. Atletas com melhores resultados geralmente exibem maiores níveis de amabilidade, conscienciosidade, estabilidade emocional e extroversão, e menores índices de neuroticismo. Entre competidores e não competidores, a diferença nessas pontuações é ainda mais evidente, assim como entre participantes de esportes individuais e grupais.


Dicas e considerações:

Se você é atleta, busque conhecer seus traços de personalidade por meio de testes validados e comprovados cientificamente. Saiba que, apesar dos resultados, esses traços podem ser aprimorados com a ajuda de um profissional qualificado.


Se você é treinador, conhecer o perfil de personalidade de seus atletas pode ser interessante para saber como extrair o melhor deles de forma saudável e eficaz, mas isso é papo para outro post.



 

Referências


  1. Allen, M., & Laborde, S. (2014). The Role of Personality in Sport and Physical Activity. Current Directions in Psychological Science, 23, 460 - 465.

  2. Allen, M., Greenlees, I., & Jones, M. (2013). Personality in sport: a comprehensive review. International Review of Sport and Exercise Psychology, 6, 184 - 208.

  3. Steca, P., Baretta, D., Greco, A., D'addario, M., & Monzani, D. (2018). Associations between personality, sports participation and athletic success. A comparison of Big Five in sporting and non-sporting adults. Personality and Individual Differences, 121, 176-183.

  4. Laborde, S., Guillén, F., & Mosley, E. (2016). Positive personality-trait-like individual differences in athletes from individual- and team sports and in non-athletes. Psychology of Sport and Exercise, 26, 9-13.

  5. Steinbrink, K., Berger, E., & Kuckertz, A. (2019). Top athletes’ psychological characteristics and their potential for entrepreneurship. International Entrepreneurship and Management Journal, 16, 859 - 878.

  6. Zar, A., Reza, S., Ahmadi, F., Nikolaidis, P., Safari, M., Keshazarz, M., & Ramsbottom, R. (2022). Investigating the Relationship between Big Five Personality Traits and Sports Performance among Disabled Athletes. BioMed Research International, 2022.

  7. Yang, S., Yang, S., Jowett, S., & Chan, D. (2015). Effects of big‐five personality traits on the quality of relationship and satisfaction in Chinese coach–athlete dyads. Scandinavian Journal of Medicine & Science in Sports, 25.

  8. Hernández-Peña, K., Gea-García, G., García-Fuentes, J., Martínez-Aranda, L., & Antúnez, R. (2022). Personality Trait Changes in Athletic Training Students during Their University Career: Effects of Academic Stress or COVID-19 Pandemic?. Sustainability.

  9. Kajtna, T., & Barić, R. (2009). Psychological characteristics of coaches of successful and less successful athletes in team and individual sports. Annual Review of Psychology, 16, 47-56.

  10. Piepiora, P., & Piepiora, Z. (2021). Personality Determinants of Success in Men’s Sports in the Light of the Big Five. International Journal of Environmental Research and Public Health, 18.

Posts recentes

Ver tudo

Comments

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating
bottom of page